Abrafarma 30 anos Logo
Abrafarma 30 anos Logo
Vacinas na farmácia
As vacinas são o meio mais eficaz de proteger contra doenças e as farmácias colaboram para o aumento da vacinação da população.
Cassyano Correr

Publicado por:Cassyano Correr04 de maio de 2021

Por que vacinar na farmácia?

O programa nacional de imunizações brasileiro (PNI) é referencia mundial e existe uma série de vacinas que a população pode adquirir através de serviços privados de vacinação.

Entretanto, muitos pacientes não aderem adequadamente aos esquemas de vacinação, ou não são orientados e acompanhados por profissionais habilitados. Temos observado quedas importantes na cobertura vacinal contra diversas doenças.

  • As coberturas de vacinas para os menores de 12 anos não atingem nenhuma meta do calendário do SUS desde 2018, de acordo com informações do Ministério da Saúde.
  • Em 2020, as vacinas para a BCG e rotavírus, por exemplo, foram dadas a 63% e 68% do público alvo, respectivamente, sendo que a meta para ambas é superar 90% de cobertura.
  • É de extrema importância conscientizar a população sobre a importância da imunização e garantir o acesso às vacinas e o acompanhamento do esquema de vacinação.

A aprovação da RDC 197/2017 pela Anvisa reconheceu a farmácia como um ponto de vacinação, permitindo ampliar o acesso da população a esse importante serviço. São diversas as vacinas que a população pode encontrar nas farmácias, entre elas as vacinas contra gripe, HPV, herpes zoster, meningite e pneumonia. Uma bandeira atual é pela utilização das farmácias para vacinação em massa contra Covid-19.

A Abrafarma promove o serviço de vacinação nas farmácias. Em um ambiente confortável e privativo, os pacientes são atendidos pelo farmacêutico, que realiza uma avaliação da situação vacinal do paciente. Os pacientes são orientados de forma personalizada sobre a necessidade de atualização de seu esquema de vacinação. Dependendo de cada situação, os pacientes recebem as vacinas necessárias diretamente na farmácia.

Referências

Anvisa. RDC Anvisa Nº 197 — 26 de dezembro de 2017. Dispõe sobre os requisitos mínimos para o funcionamento dos serviços de vacinação humana.

Ministério da Saúde. Programa Nacional de Imunizações. Acesso em 15/03/2021.

Queda de cobertura vacinal preocupa ministério da saúde. Hospital Oswaldo Cruz. Notícias. 30/10/2020.